Sindicato de Jogadores de Futebol Profissional Realiza 15ª Edição do Estágio do Jogador

Estágio do Jogador. Futebolistas sem contrato treinam-se sob orientação de Silas. Dos 37 que começaram, dois já arranjaram colocação

11 de Julho, 2017

O Sindicato de Jogadores de Futebol Profissional organiza pelo 15.º ano o Estágio do Jogador, iniciativa destinada aos futebolistas (portugueses e estrangeiros) sem colocação. A edição deste ano começou a 3 deste mês, prolonga-se até 31 de agosto e, para além de sessões de treino diárias, existe uma componente formativa, que se inicia a 17 deste mês. A partir dessa data, haverá todos os dias aulas, desde coaching e desenvolvimento pessoal, passando pelo curso de prevenção de lesões, scouting, educação financeira, entre outros módulos.

Silas, que há poucas semanas terminou a carreira de futebolista, é o treinador. O ex-futebolista do Belenenses e da U. Leiria tem como adjuntos Rebelo e José Pedro. José Carlos, antigo defesa-direito, é o coordenador do estágio e Pedro Barbosa é o padrinho da edição deste ano e na passada semana deu uma palestra ao grupo. A estrutura é semelhante a um clube profissional, existindo ainda treinador de guarda-redes, massagista, fisioterapeuta e até assessor de imprensa.

O objetivo é proporcionar aos atletas um trabalho diário, como se estivessem num clube, de modo a estarem em forma quando surgir a oportunidade de assinar um vínculo profissional. O estágio já teve boas notícias - o médio João Vilela, formado no Benfica, assinou pelo Merelinense, equipa do Campeonato de Portugal que na última época disputou até à última a subida à II Liga. E neste fim de semana João Coimbra chegou a acordo com o Trofense, também do Campeonato de Portugal. Ou seja, neste momento o grupo tem 35 atletas.